Jorge Lima Barreto em Coimbra por António Barros:

Jorge_Lima_BarretoAmigos da Casa da Escrita.

Amigos de Jorge Lima Barreto.

«Procurando no Google o nome de Jorge Lima Barreto facilmente encontra-o na Revista Triplov, publicação electrónica dirigida pela escritora e ensaísta Maria Estela Guedes, revista que dedica uma homenagem, após a morte do musicólogo, num dossier com coordenação de António Barros a partir da cidade de Coimbra: http://www.triplov.com/cyber_art/jorge-lima-barreto/

Na verdade, a dominante da difusão da obra de Jorge Lima Barreto surge em Coimbra resultado muito do empenho meu e das estruturas que ao longo dos anos me foram próximas e por mim sinergisadas.

Vale recordar a “Semana de Arte da(na) Rua”, iniciativa do Círculo de Artes Plásticas de Coimbra (aquando a minha presença nos corpos diretivos desta comunidade artística nos anos setenta a noventa) com apresentação de Lima Barreto no Teatro Académico de Gil Vicente.

Singular foi ainda o contributo deste artista, e excelente comunicador, na iniciativa “Projectos & Progestos” que dirigi para o Teatro Estúdio CITAC na Universidade de Coimbra.

Três revistas de Coimbra abordam a sua obra por diligência minha: a revista Música em Si (com vários estudos e um artigo de Lima Barreto); a revista Via Latina (durante os tempos que a reactivei e formulei novas dinâmicas) e mais recentemente no n.33 da Rua Larga, revista da Reitoria da Universidade de Coimbra (com um artigo que assinei evocando a sua obra), ou mesmo na Newsletter da Universidade de Coimbra ou na revista Atlântida nos Açores num estudo meu a partir de Coimbra.

Uma leitura a estas publicações permite uma consciência das dinâmicas desenvolvidas, ficando em posse de um testemunho particular sobre a presença de Jorge Lima Barreto na cidade de Coimbra num tempo anterior à presente leitura da sua obra na Casa da Escrita, “Nas Escritas PO.EX”, a surgir a partir de 15 de Março. Uma visita à revista Triplov (no endereço acima referido) permite uma visitação confortável.

Espero ter dado mais este contributo para uma difusão continuada da obra de Jorge Lima Barreto, obra que sempre me mereceu particular interesse. Autor com quem tive oportunidade de privar e fui amigo.

Com toda a estima. E boas leituras ao som de Telectu.»

António Barros

Advertisements

About Sónia Pina

Investigadora em Filosofia da Comunicação, New-media, Old-media, Ontologias digitais, Fluxus, Visualismo, Info-estética (protocolos visuais da comunicação), Intermedialidades na arte;

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: